Sign In

Don't have an account Sign Up

  • Follow us on :

Sign Up

Already a member Sign In

  • Follow us on :

Mídia

Notícias, dicas, informações, videos

Moda Black Rio Soul - Movimento da Moda Carioca

Por Neide Diniz

No dia 21 de setembro, houve o pré-lançamento do evento Moda Black Rio Soul, no Parque das Ruínas, no Rio de Janeiro. A ideia partiu de Fatima Negrann, dona de uma marca autoral e de um atelier que levam o seu nome. E para viabilizar a realização, Fátima convidou alguns parceiros como Beth Lopes, da marca MG Modas Globais e Paulo Porto, da Brazil Zullu. Eles também são afroempreendedores que mobilizam e impulsionam o mercado da moda carioca. As criações, que vão da modelagem tradicional africana ao corte e tendências contemporâneas, seguem inspirações da ancestralidade e do mundo moderno. “A gente tem africanidade, mas a gente não é africano. Somos brasileiros!”, destaca Negrann sobre a importância da construção da autenticidade, estilo e identidade na moda afro-brasileira.


Da direita para esquerda, Fatima Negrann, Paulo Porto e Beth Lopes, os idealizadores da Moda Black Rio Soul.

Para debater sobre o assunto, os idealizadores organizaram uma Roda de Conversa sobre os avanços e desafios do setor. Estudantes de moda e profissionais do ramo trocaram informações e dialogaram com representantes de instituições e da Prefeitura do Rio. Entre eles: Edu Nascimento, Representante da Secretaria Municipal de Cultura; Thaisa Ranieri, Representante da Secretaria de Desenvolvimento, Emprego e Inovação e Ruth Pinheiro, Presidente da Reafro (Rede Brasil de Afroempreendedor) e Suzana Mattos, da Coordenação Comunidade Sebrae.


Representantes da Reafro, Sebrae e Prefeitura do Rio participam da Roda de Conversa sobre o mercado de moda afro.

A questão que mais chamou atenção foi sobre como ampliar o acesso dos afroempreendedores ao mercado varejista em condições reais de competitividade. O ponto central é proporcionar aos criadores de moda afro condições de produzir em grande escala e conquistar a respeitabilidade pela qualidade de modelagem, tecido, acabamento e padrão estético. No entanto, para se conquistar o patamar desejo é preciso recursos, ou seja; investimento em pesquisa, inovação, tecnologia, treinamento e capacitação. E para isso, o incentivo financeiro para estruturar e capacitar o negócio é determinante para elevar os aspectos da profissionalização que envolve a elaboração e finalização do produto.

Após a Roda de Conversa houve desfile de moda da MG Modas Global, JCK e Brasil Zullu e confraternização entre os convidados. O evento foi apenas um aquecimento para o Moda Black Rio Geração Soul que vai acontecer no Arena Carioca Fernando Torres (Parque de Madureira, portão 4), no dia 11 de novembro.


Desfile de moda encerrou o pré-lançamento da Moda Black Rio Soul.

Conheça mais sobre quem faz a Moda Black Rio Soul:
https://www.fatimanegrann.com/
https://www.facebook.com/Brazil-Zullu-857315117719752/
https://www.facebook.com/mgmodasglobais/

Outras Notícias